Resiliência: Chave da Psicoterapia


Boa parte da psicoterapia é permitir-se lidar com emoções fortes e desafiadoras e assim, no processo terapêutico, aprender a conhece-las e aumentar a resiliência. Pessoas que desistem facilmente, se assustam diante do primeiro problema, se julgam incapazes de realizar seus sonhos, cultivam a reclamação, tendência ansiosa e depressiva fazem isso pela baixa resiliência.

Resiliência alta é fundamental para uma boa qualidade de vida, satisfação pessoal, construir relações agradáveis e duradouras.

Resiliência é um dos componentes da inteligência emocional. Você pode analisar se sua resiliência é alto ou baixa refletindo sobre o tempo que você leva para superar uma dor emocional.

Luto, perder um emprego, terminar um relacionamento, conflitos com pessoas tóxicas, dificuldade em atingir metas.

Quanto tempo você leva para ficar em pé novamente e enfrentar uma adversidade na vida? O que as adversidades geram em seu campo emocional? Como você gerencia suas emoções nas adversidades?

Por exemplo, aquelas pessoas que sofrem por anos há anos por uma relação por terminou, não conseguem se desligar do que faz mal, utilizam excesso de medicação para reprimir sentimentos, fogem de resolver os problemas. Isso tudo é baixa resiliência, falta de auto confiança e de auto estima.

Por que é importante fazer terapia para melhorar a resiliência?

Pessoas com resiliência avançam na vida, fortalecem o emocional, assumem sua verdadeira identidade e reais necessidades da psique.  Até alcançar um objetivo surgem vários fatores que interferem, a vida não é linear por isso o acompanhamento terapêutico ajuda no fortalecimento emocional e enfrentar os desafios.

Sem resiliência a qualidade de vida cai muito, qualquer coisa se acha que é o fim do mundo, que não tem solução, que é inalcançável, inadmissível, tudo negativo.

A vida esta sempre demandando algo. Então aprender a acessar mais da nossa capacidade para resolver os problemas aumenta nossa capacidade de lidar com adversidades. Isso pode ser feito através da psicoterapia. Sozinho(a) a pessoa se perde nos mecanismos de auto sabotagem.

Com resiliência, a pessoa aprende a ser responsável por si mesma, saindo da posição de vitima e de reclamação. A psicoterapia é um ambiente seguro para lidar com emoções. Na falta da resiliência existem muitos comportamentos infantis, regressão de comportamentos, dificuldade de administrar estresse. Tudo isso pela falta da consciência. Ir ao analista é criar consciência e tornar-se líder de si mesmo. Permitir-se entrar em contato com o coração, com sentimentos mais profundos. Aprender a parar de contribuir para os problemas. Inconscientemente, você cria seus conflitos. Só a consciência pode te ajudar a modificar a realidade.

Um problema não precisa afetar a vida toda. É preciso buscar ajuda psicológica para aprender a se desligar. Nada dura para sempre, só se você quiser. A terapia vislumbra enxergar a luz no final do túnel, voltar a ser feliz, aceitar a realidade, fazer sua parte.

Após a construção da consciência e da clareza emocional, a terapia é voltada para ações especificas que você pode fazer, criar planos rumo a resiliência alta.

Permita-se.    

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *